logo

Artigos, Novidades e Workshops

Gosto muito de comunicar e outra via que tenho encontrado para informar é a da escrita de artigos e entrevistas para várias plataformas de comunicação, assim como as parcerias artísticas em que a mensagem positiva de corpo, sexualidade e beleza sejam celebradas.

Sexualidade, uma fonte de desenvolvimento pessoal. Say what?!

Additional Info

  • Publicado quarta, 22 novembro 2017
  • Autor

    Tamar

“Queres ver que vem aí mais uma moda?” - pode estar tu a pensar.

Não é por aí, digo-te eu. Mas também te digo que a ser moda… ela é a mais clássica e intemporal, porque a primeira. Afinal, é devido a ela que andamos por cá. E até sabe muito bem! A vida :)

Só que ela é tratada como aquele parente estranho que ninguém convida para os almoços de família mas de que muitos falam entredentes nos corredores. E todos sabemos já que o que é falado como rumor, muitas vezes vem distorcido, certo? É também espalhada por tudo o que é publicidade e filmes, completamente artificializada e centrada na genitalização.

Para pôr às claras o tema, fomos buscar a definição da Organização Mundial de Saúde: “A sexualidade é uma energia que nos motiva a procurar amor, contacto, ternura, intimidade, que se integra no modo como nos sentimos, movemos, tocamos e somos tocados; é ser-se sensual e, ao mesmo tempo, sexual; ela influencia pensamentos, sentimentos, acções e interacções e, por isso, influencia também a nossa saúde física e mental.”

Temos, assim, que a sexualidade é determinante para a identidade da pessoa, tem impactes em todas as áreas da sua vida, muito para além da reprodução, o que a torna uma componente positiva de desenvolvimento pessoal.

Agora diz-me: no percurso de autoconhecimento que tens vindo a fazer ou que queres iniciar, em que partes é que o corpo na sua totalidade, o erotismo e o sexo, a intimidade física e a noção de energia sexual são abordados? Pois, poucas ou nenhumas. E está tudo bem. Só não está completo. E não tem mal nenhum que seja mesmo a sexualidade a tua porta inicial para a transformação interior que desejas.

Como começar, então? Costumo dizer que por aquilo que está mais vivo em ti, isto é, aquilo que mais te incomoda, limita, causa-te desequilíbrio ou o que mais te deixa curioso e excitado. Trabalhamos o tema ou questão específica que nos trouxeres, considerando sempre que a sexualidade é uma energia que existe a 4 níveis, que chamamos de:

  • Corpo físico - identificando e soltando tensões, bloqueios e, quando existir, trauma, bem como aumentando a percepção das sensações e desenvolvendo a tua inteligência erótica;
  • Corpo intelectual - percebendo a educação sexual recebida, o contexto de preconceitos e julgamentos associados para serem ressignificados à luz de novos conceitos saudáveis e positivos;
  • Corpo emocional - quais as emoções e sentimentos que persistem em condicionar a expressão pessoal na intimidade;
  • Corpo intuitivo/espiritual - como ligar-me à inteligência maior, como entrar em comunhão com a vida, como aceder ao êxtase.

A medida em que vamos trabalhar estes 4 níveis varia mesmo em função de cada pessoa e não pode ser pré-determinado. Vai-se revelando, vai-se ajustando, vai fazendo sentido, qual “trabalho em progresso” que é sempre aquele de uma obra de arte. Tal como as tecnologias usadas: entre técnicas de bodywork como respiração, movimento, som, toque e massagem e as de mindfulness, presencing e guided imagery, vão ser-te servidas na intensidade e profundidade necessárias. Para que a obra de arte que és possa ser partilhada connosco!

Então sim: sexualidade como fonte de desenvolvimento pessoal. Um desenvolvimento ancorado no prazer, na alegria e liberdade de ser, na expressão pessoal criativa, na partilha saudável e fértil.

Despidas as camadas de sofrimento e limitações, encarados os talentos íntimos.

 

 

logo

Fale comigo e combinamos uma Sessão de Aconselhamento gratuita por Skype

efetue a sua marcação por email
© Juliana Mendonça Santos

Tamar

Socióloga | Formação e Mentoria em Desenvolvimento Pessoal e Sexualidade Consciente

Trabalho com Desenvolvimento Pessoal e Sexualidade Consciente, inspirando a relação informada e saudável com o corpo e a vivência da intimidade como lugar de ligação ao eu, à parceria e à vida.

Encaro a ligação ao corpo e a cura pelo prazer como a base terapêutica para a transformação pessoal e acredito que são tanto inovadores como dos mais potenciadores para a descoberta de quem se é.

Desde 2008 que venho a reunir formações em técnicas holísticas energéticas, Sexualidade Sagrada, Tantra, Bodywork e Feminino Consciente e, em 2012, fundo O Mel da Deusa e começo a facultar sessões individuais terapêuticas ou de acompanhamento em Sexualidade e formação, consultoria e mentoria nas áreas de Awareness, Desenvolvimento Humano e Sexualidade. Em 2017, crio o Circulário para poder trabalhar, de forma mais aprofundada e diversificada, a educação para a consciência do feminino.

Tenho a Sociologia e a Gestão de Recursos Humanos como base académica e trabalhei em organizações durante 14 anos, parte dos quais com funções de direção e, como formadora profissional certificada, reúno centenas de horas ministradas em formação comportamental.

O meu sonho é o de co-criar um futuro em que cada pessoa pode ser ela mesma, a cada fase da sua vida, com presença, entrega, confiança, força pessoal, beleza, alegria, sabedoria e amor; em que cada pessoa chama a si o seu poder de transformação e evolução e apoia outras pessoas e movimentos sociais; em que o prazer é a viagem e o destino e a inteligência do corpo reconhecida e celebrada.