logo

Artigos, Novidades e Workshops

Gosto muito de comunicar e outra via que tenho encontrado para informar é a da escrita de artigos e entrevistas para várias plataformas de comunicação, assim como as parcerias artísticas em que a mensagem positiva de corpo, sexualidade e beleza sejam celebradas.

Temos Circular, Yay 2020/21! O teu guia de ciclos femininos

Additional Info

  • Autor

    Tamar

Agora já podes aprender e registar os teus ciclos mensais e aliar a tomada de consciência da psicofisiologia cíclica com a capacitação para gerar o teu bem-estar e expansão: scroll down para compra ou continua a ler :)
 
 
Qual o sentido da ligação ao feminino?
 
A mulher é uma ecologia complexa e emocionalmente inteligente que acontece em padrões cíclicos biofisiológicos e psicoemocionais. A linearidade é algo (ou muito) tóxica ao seu bem-estar e plenitude. 
 
Estes tempos modernos endeusam a imagem exterior, a rapidez, a lógica e a linearidade, o automático e o normalizado. Ação, ação, ação; mais, melhor e mais rápido. É o lado masculino da vida. É aquele que tem prevalecido nos últimos séculos ao ponto de se pensar que é a única forma correta de viver. Quantas vezes já te sentiste desadequada, frágil, preguiçosa e, até, injustiçada pelo que te tentam impor/avaliar/corrigir? Sobretudo nas fases pré-menstrual e menstrual? Sobretudo quando passaste por um evento traumático e permitiste-te viver as emoções difíceis? Abrandar, recolher, sentir, transformar. É o lado feminino da vida. É aquele que já esteve integrado no modus operandi das sociedades antigas e foi abandonado.
 
Do ponto de vista do desenvolvimento pessoal, qualquer mudança e nova etapa começam internamente. Dentro é o lugar onde é preciso ir quando se está num caminho de transformação, o lugar onde é preciso ficar para aceitar e compreender, o lugar de onde se emerge, autêntica e alinhada com os dons e recursos únicos que vão servir a missão que cada pessoa tem. Sentir e ficar, ao invés de pensar e fazer somente. O que seria de nós se a natureza não tivesse as suas estações de regeneração e estivesse sempre em modo produção? Social e economicamente, estamos já a sentir na pele o que é não respeitar os timings naturais e não é nada bom, certo?
 
Emergir, depois, de dentro para fora - sentir, intuir, ligar emoção à razão, ver o todo sem discriminar as partes, tender para a cooperação e a harmonia, criar e partilhar!
 
 
 
A visão em 4
 
Este recurso segue uma abordagem centrada na ligação corpo-emoções-mente e  tem como base os 4 temas principais do ciclo interno feminino:
 
  • Tempo lunar - o calendário solar rege todas as nossas actividades. Para o desenvolvimento pessoal integral há que recuperar a noção de calendário lunar, muito relacionado com as qualidades soft do hemisfério direito do cérebro (feminino): emoções e sentimentos, criatividade, intuição e sabedoria;
  • Ciclo mensal - o ciclo interno da mulher tem correspondência directa com o calendário lunar: a sua psique passa pelas 4 fases principais da lua e o seu corpo reage igualmente em função destes 4 ritmos distintos mas complementares;
  • Fase de vida - é um marcador fundamental para situar a mulher no seu projeto de alma e definir o seu plano de desenvolvimento pessoal. Cada fase traz desafios e oportunidades especiais e a tomada de consciência desta ciclicidade contribui para uma maior clareza de propósito e ações;
  • Corpo - adotar uma orientação interna como base para a mudança é a grande chave para a plenitude e é na ligação ao corpo que a compreensão e vivência da força e abrangência da ciclicidade feminina se torna mais eficaz.
 
 
É composto por:
 
  • Mandala genérica para (te) situares (n)as 4 fases do teu mês, a nível de: ciclo menstrual, ciclo lunar, estações do ano e modos ou perfis psicológicos;
  • Conteúdos acerca do feminino consciente e ciclicidade segundo as 4 estações do ano;
  • Calendário solar e lunar 2020/2021;
  • Guia de registo diário e semanal, que deverás começar no 1º dia da tua menstruação ou no dia de lua nova. É, por isso, adequado a todas as mulheres: as que menstruam e as que não menstruam. É, acima de tudo, para descobrires mais acerca dos ciclos femininos e os seus efeitos, mesmo sem menstruar e melhor ajustares a tua vida externa e interna a eles.
 
 Quer devido às características hormonais do ciclo menstrual, quer por efeito indirecto da lua, a cada mês a mulher passa por 4 modos ou perfis psicológicos:
 
  • Introspecção - virar completamente para dentro para contactar com o que se passa no interior; observação dos fenómenos psíquicos da própria consciência. Associado a silêncio e solidão, mesmo quando em grupos. “Estar na bolha”, no próprio mundo interior. Verbo de ação: renovar;
  • Expansão - de dentro, virar para fora pela vontade ou impulso de dilatar-se, estender, expor com franqueza; difundir, espalhar o que se é/tem/está. Associado a efusão e alegria. Verbo de ação: fazer;
  • Extroversão -  virar completamente para fora para dirigir a atenção e as emoções para o mundo exterior; "o mundo é a minha ostra". Associado a animação, sedução, comunicação com e para os outros. Verbo de ação: relacionar;
  • Recolhimento - de fora, virar para dentro pela vontade ou impulso de concentração, recato, respeito ou pudor; meditação; consciência da colheita (do que se recolheu no mundo). Associado a contemplação e proteção; “expresso-me pela minha presença”. Verbo de ação: refletir. 
 
É natural teres um modo predominante nas situações do dia-a-dia e quando há uma acumulação ou privação de algo: este é o teu porto de abrigo, é o teu ninho: aquilo que te nutre, reequilibra. Não há um modo melhor que o outro. O importante é ser consciente dos benefícios e das desvantagens de cada um. O importante é, quando a vida não possibilita que usufruas dele, faças um esforço extra por criar essa possibilidade: redefinir prioridades nas tarefas, dar uns "nãos" sem culpa, pedir ajuda, etc. O mesmo se aplica aquele(s) modo(s) que te é mais desafiante vivenciar: é importante definires maneiras de o(s) tornar(es) parte das tuas atitudes, em nome do teu equilíbrio e alinhamento. 
 
Como cada semana do mês aparece no Circular,Yay associada a um destes modos, vais ter a oportunidade de desenvolver hábitos e posturas que os incorporem na tua vida. Melhor: és tu que os podes escolher! Se já registas o teu ciclo menstrual numa app, podes continuar a fazê-lo. Esta é uma ferramenta orgânica para mulheres que, como eu, ligam-se melhor ao seu corpo e a si mesmas através da matéria, do toque, da implicação na escrita e tu podes usá-la como complemento à app. 
 
 
O que ganhas quando desenvolves a presença na tua ciclicidade:
 
  1. Alinhamento - ficas consciente de qual o melhor momento e como “Renovar, Fazer, Relacionar e Refletir”: as 4 ações principais do ciclo interno feminino;
  2. Saúde, vitalidade e bem-estar - já sem sentimentos de estares a remar contra a maré, de seres estranha/inadequada e porque regida pela bússula interna que é o teu ciclo mensal, começas naturalmente a cuidar mais e melhor do que o teu corpo, mente e alma precisam. Sim, tornas-te a tua própria medicina!
  3. Qualidade de relacionamentos e parcerias - a partir da consciência das emoções e sentimentos inconscientes e de seus impactes desenvolves a capacidade de aceder ao lado construtivo destes e de os aplicar enquanto motor nas situações e áreas de vida necessárias;
  4. Singularidade - descobres, aceitas e valorizas as tuas características, desenvolvendo uma vontade inabalável de os partilhar e de reconstruir ou refinar a tua vida, com confiança;
  5. Desbloqueio na psique e corpo - faz parte do percurso identificar e soltar crenças, julgamentos, feridas emocionais e tensões cristalizadas acerca do ser mulher que impedem o fluxo da transformação;
  6. Atitude bodypositive - quer quanto à tua imagem e aparência, quer quanto à confiança na leitura das reações e estados do teu corpo, o que apoia o teu método natural de fertilidade. 
 

ADQUIRE ESTE GUIA MARAVILHOSO aqui - Pré-venda
 

Agradeço profundamente o teu interesse, confiança e apoio a este projecto. Sorrio, encantada, ao saber-nos uma comunidade de mulheres dispostas a alinhar-se com a natureza da sua alma e a força criadora e prazerosa do seu corpo! 
 
Abraço Circular,
 
Tamar
logo

Fale comigo e combinamos uma Sessão de Aconselhamento gratuita por Skype

efetue a sua marcação por email
© Juliana Mendonça Santos

Tamar

Socióloga | Formação e Mentoria em Desenvolvimento Pessoal e Sexualidade Consciente

Trabalho com Desenvolvimento Pessoal e Sexualidade Consciente, inspirando a relação informada e saudável com o corpo e a vivência da intimidade como lugar de ligação ao eu, à parceria e à vida.

Encaro a ligação ao corpo e a cura pelo prazer como a base terapêutica para a transformação pessoal e acredito que são tanto inovadores como dos mais potenciadores para a descoberta de quem se é.

Desde 2008 que venho a reunir formações em técnicas holísticas energéticas, Sexualidade Sagrada, Tantra, Bodywork e Feminino Consciente e, em 2012, fundo O Mel da Deusa e começo a facultar sessões individuais terapêuticas ou de acompanhamento em Sexualidade e formação, consultoria e mentoria nas áreas de Awareness, Desenvolvimento Humano e Sexualidade. Em 2017, crio o Circulário para poder trabalhar, de forma mais aprofundada e diversificada, a educação para a consciência do feminino.

Tenho a Sociologia e a Gestão de Recursos Humanos como base académica e trabalhei em organizações durante 14 anos, parte dos quais com funções de direção e, como formadora profissional certificada, reúno centenas de horas ministradas em formação comportamental.

O meu sonho é o de co-criar um futuro em que cada pessoa pode ser ela mesma, a cada fase da sua vida, com presença, entrega, confiança, força pessoal, beleza, alegria, sabedoria e amor; em que cada pessoa chama a si o seu poder de transformação e evolução e apoia outras pessoas e movimentos sociais; em que o prazer é a viagem e o destino e a inteligência do corpo reconhecida e celebrada.